Sob que circunstâncias você é irmão?

a) se teus irmão assim te veêm!
b) se você tem comportamento exemplar, ético, e digno de homens corretos, inclusive isso me lembra uma situação antes de entrar na maçonaria… uma senhora em uma loja de departamento me chamou em um canto e me perguntou se eu era maçon, na época tinha respondido que não, ela me disse que eu “parecia” maçon.

Mas e nos casos nos quais você é maçon mas não tem comportamento ético? Teus irmãos podem simplesmente te excluir de seu convívio? Te deijando isolado? Você se sentiria menos maçon?

Ao longo do dia facilmente podemos ver casos nos quais “não-maçons” tem comportamento justo e perfeito, inclusive  podemos ter uma breve pensamento “poderia eu convidá-lo para ser filho da viúva”? Volto a citar neste blog, o cuidado com os novos candidatos e essas avaliações rápidas.

Mesmo o profano tendo convívio com maçons e estes irmãos o achem o candidato ideal pelas suas qualidades morais e éticas, o profano ainda assim não deveria ser apresentado, pois com o passar do tempo a pessoa pode simplesmente não melhorar, já vimos várias vezes irmãos que não progridem apesar de suas palavras e depoimentos dizendo que estão estudando para lapidarem a pedra bruta com mais dedicação e afinco.

Outra pergunta mais importante que a primeira é: em que circunstâncias não devemos reconhecer nossos irmãos maçons, como tal devido à fatores externos? Podemos deixar de tratar com igualdade membros da família que realizaram coisas errados no caminho? O perdão é importante ou a exclusão é outro caminho?

Vamos refletir…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: