Arquivo de Planejamento estratégico

Planejamento estratégico para lojas maçônicas, parte 7

Posted in Sem classificação específica, Textos genéricos! with tags on 07/10/2010 by J.D.

Como conduzir seus objetivos?

O que é mais importante os resultados ou as atividades? obviamente as atividades é que não, afinal de contas você que ver o resultado positivo não?

Tente fazer o gerenciamento SMART (specific, measurable, agreessive, realistic and time-sensitive) SMART, ou seja, seus objetivos devem ser: específicos, mensuráveis, agressivos, realistas e bem definidos no tempo.

Tente não usar jargões técnicos ao escrever ou se comunicar com sua equipe, principalmente quando você tenta explicar objetivos

Como você contra um objetivo? Pense em mecanismos e processos para te ajudar com isso.

Planejamento estratégico para lojas maçônicas, parte 6

Posted in Sem classificação específica, Textos genéricos! with tags on 05/10/2010 by J.D.

Como identificar problemas com antecedência?

Você poderá fazer o planejamento estratégico de todo o seu mandato e ao longo desse período elaborar vários projetos que a loja deverá executar, porém é possível que você tenha problemas ao longo do caminho, como identificá-los?

1. Não envolver todos os públicos alvo no seu planejamento pode lhe trazer problemas, pelo menos faça um consulta pública com todos os que você acha que poderão te ajudar

2. Não crie objetivos vagos para a gestão nem para os projetos que quer executar, se curto e grosso com os objetivos

3. Cada um tem um papel bem definido para executar ao longo do período, em cada atividade? ter irmãos perdidos no espaço é um problema!

4. Todos entendem seus cronogramas?

5. Todos entendem que os projetos que serão executados são importantes? alguém quer cair fora? que fale agora!

6. Você não mantém registros por escrito! Isso é um grande tiro no pé. Como vocês compartilham os registros das reuniões? O secretário envia uma súmula para o email de todos?

7. EMAIL!!! É terrível, mas tem irmão que não uso isso, e são os que sempre estão boiando! O que fazer com esses caras? isso merece um post específico que trataremos aqui no Blog.

8. Monitação de processos, o que é isso, um projeto é composto de várias fazes, cada uma deles tem um resposável, um custo, uma data de início e fim, um software de gestão de projetos pode ajudar a manter o registros dessas atividades, existem alguns que funcionam via web, etc.

9. Compensações, como é feito reconhecimento pelo esforço de quem trabalhou? provavelmente essas pessoas não vão receber um bonus financeiro, masi isso tem que ser pensado, afinal de contas se o rimão faz “cagada” ele leva “catracata”, mas e se ele faz tudo “certinho”, algum benefício? qual? como? e se o irmão vai melhor que o esperado?

10. Como é a comunicação entre os membros de cada projeto? você escuta com frequencia “eu mandei pro seu email, você não viu?” ou “não tenho o telefone do irmão” ou “de novo esse cara tá atrasado”!

11. Falta de comprometimento, já foi comentado antes!

Planejamento estratégico para lojas maçônicas, parte 5

Posted in Sem classificação específica, Textos genéricos! with tags on 23/09/2010 by J.D.

Toda atividade executada por uma loja deveria ter um projeto. Isto já foi comentado aqui.

Para que um projeto funcione você vai necessitar de 4 coisas:

1. Pessoas
são aqueles que decidem, os que te dizem as necessidades do que deve ser feito, as pessoas que irão executar as atividades, as pessoas que serão beneficiadas, e todos aqueles que tem interesse em ver o projeto sendo executado e chegar a um resultado.
As pessoas não só aquelas que executam as atividades, mas quando me refiro a pessoas, isso envolve todos, ou seja, desde o indivíduo ou grupo que percebeu a necessidade do projeto ser executado passando pelos executores até chegarmos aos beneficiários diretos e indiretos.

2. Processos
Você vai necessitar de:
– planejamento, organização e controle de processos (todas as atividades necessárias para a execução do seu projeto)
– Planejamento e orçamento, o controle orçamentário é importante para que você saiba quanto custam as pessoas, coisas e serviços que serão consumidos durante a execução do seu projeto
– avaliação das atividades em andamento e das atividades que encerraram, porque? em muitos casos no final de um projeto você vai ter que fazer a prestação de contas para alguém, não estamos nos referindo apenas as contas, mas documentar tudo o que foi feito.

3. Sistemas de informação
Você vai necessitar manter uma lista de contatos, telefones, emails
vai necessitar de um software de planilha eletrônica para manter o orçamento atualizado, recomendamos o Microsoft Excel
De preferência vai necessitar de um software para gestão de projetos, recomendamos o Microsoft Project
Seus registros financeiros, recibos, NF e outros deverão estar armazenados de preferência em um sistema computadorizado, nada de “caderninho”
Você deverá manter um registros do acompanhamento das atividades que estão em execução, as que terminaram e as que irão começar

4. Recursos financeiros
Deverá ter verba garantida para executar todas as atividades previstas no seu projeto antes de começar!

Planejamento estratégico para lojas maçônicas, parte 4

Posted in Sem classificação específica, Textos genéricos! with tags on 20/09/2010 by J.D.

Em algumas potências a venerância é anual em outras é um período de dois anos. Bom… o problema é algumas lojas e/ou irmõas poderão esta com alguma dificuldade financeira. Se o futuro venerável vai receber uma loja para dirigir é bom que ele tenha feito o “planejamento” das atividades que irá executar em seu mandato, inclusive deve ter pensado na parte financeiro, o motivo deste post!

Estou trazendo aqui alguns tópicos que alguns irmãos não gostam de discutir porque estão “com o bolso tranquilo” mas vamos lá.

1. Sobre a recuperação financeira de lojas e irmãos.

Responsa as seguintes perguntas:

a) Sua loja tem dificuldades financeiras?

b) O que vocês planejaram de atividades para fazer caixa?

c) Que ações você vai tomar pra parar de gastar dinheiro da loja?

d) Como esta o CNPJ da loja na praça?

e) As contas com o poder central estão ok?

2. Sobre os novatos.

É amigos… nada é de graça neste mundo, teu padrinho deve ter te dito que você ia gastar dinheiro nessa tal de maçonaria, não disse? agora é tarde! Veteranos, não adianta ficar ficando a faca em quem esta entrando porque isso não tira a loja do atoleiro. Mudem o rumo porque não é por ai!

3. Sobre os irmãos endividados.

Três coisas devemos ter em mente:

a) Uma coisa é você dirigir uma empresa que tem problemas financeiros

b) outra coisa é você trabalhar com pessoas que tem problemas financeiros, afinal de contas, todos somos filhos do mesmo sistema capitalista e as contas milagrosamente acham o caminho da porta da nossa casa

c) outra coisa é você tentar se planejar pra assumir uma venerância na qual você terá os dois problemas acima, você sabe o que vai enfrentar? A sua diretoria esta ciente que deve esperar trabalhar na situação C, que é uma das piores?

O problema dos irmãos endividados você só vai saber na tesouraria ou conversando com cada um, mas o que fazer pra reverter o caso de um irmão nessa situação? Isso merece outro post! não será tratado aqui!

4. Vendo a loja como uma empresa.

Se a loja tem cnpj, endereço, conta pra pagar, etc; ela tem que ser vista como uma empresa, não necessáriamente tem que dar lucro, ela pode chegar no final do mês, pagar as contas e não sobrar nada no caixa, muitas instituições sem fins lucrativos operam assim o ano todo, elas tem dinheiro em caixa o ano todo, mas contabilmente no final do ano fiscal as contas são zeradas, pois ao longo do ano o dinheiro foi gasto com pagamento de contas, folha de pagamento, compra de material permamente, compra de material de consumo, taxas bancárias, etc.

A loja deve ser pensada como uma empresa, é o que estamos dizendo desde o primeiro post desta séria sobre planejamento… mas tenho notado que existem potências fechando lojas, ou seja, abatendo colunas, o pessoal vai saindo e só meia dúzia tem que carregar a loja nas costas, ninguém aguenta.

Por isso eu falo de planejamento, será que é sábio abrirmos tantas lojas assim? Como essas lojas vão se manter nos anos que virão?

Aguardo comentários!

Abraços

Fui…

Provavelmente abandonaremos a comunidade Maçonaria no Orkut

Posted in Introdução, Sem classificação específica, Textos genéricos! with tags , , , , , on 07/01/2010 by J.D.

Já faço parte de várias comunidades sobre maçonaria mas esta aqui provavelmente vamos abandonar:

O que acontece é que no início de janeiro publicamos no forum duas mensagem para os interessados pudessem ler no nosso blog 2 assuntos:

1) a divulgação do programa do canal Nat Geo sobre o que é verdade ou não nos livros de Dan Brown;

2) um comunicado de que estaríamos fazendo uma séria de posts sobre planejamento estratégico para lojas maçônicas

Resultado: algum moderador nos deu duas resposta:

a) em um email, sobre a publicação no forum, eu teria que me identificase, de que loja e potênica eu sou e coisa e tal… achei boba essa exigência e acabei não fazendo isso, inclusive perdi o link que o moderador me passou!

b) sobre a mensagem sobre planejamento estratégico vejam o que o “moderador” me respondeu:

Só posso pensar o seguinte:

1. a política de links externos poderia ser razoável e mais flexível, o moderador poderia verificar o link e ver que é um assunto interessante e deixar na mensagem, acho que o moderador não fez isso;

2. o texto sobre “planejamento estratégico” É GENÉRICO e pode ser lido como “planjamento estratégico para IGREJAS CATÓLICAS ORTODÓXAS” ou “planejamento estratégico PARA TEMPLOS BUDISTAS” e não é específico para coisa alguma, é uma pena que o “moderador” não tenha se dado o mínimo de tempo e paciência para ver o texto, ele deve ter lido apenas as palavras “PARA LOJAS MAÇÔNICAS” e então decidiu censurar;

3. outra coisa interessante é que a pessoa que fez a censura não se identifica… porque? medo?

Bom…. de qualquer forma, hoje pela manhã voltei na comunidade  e achei uma mensagem no forum, era uma pergunta se pai de santo poderia entrar na maçonaria; ora se qualquer um pode entrar na comunidade e perguntar qualquer coisa porque não podemos divulgar textos que nos ajudem com informações úteis?

CONCLUSÃO: fiquei muito decepcionado com a resposta do “moderador”, não achei que poderia receber uma resposta tão “pueril”, espero que o GADU ilumine o moderador e traga paz para seu coração. Quando recebi essa mensagem fiquei com vontade de abandonar a comunidade mas, ela tem discussões interessantes e acho que vale a pena ficar mais um tempo desde que o pessoal que faz a “moderação” tenha um comportamento mais flexível…

Desejo a todos os integrantes da comunidade que o GADU ilumine todos vocês… felicidade e prosperidade em 2010.

TFA

Planejamento estratégico para lojas maçônicas, parte 3

Posted in Introdução, Sem classificação específica, Textos genéricos! with tags on 06/01/2010 by J.D.

O que é uma declaração de Missão? tente escrever qual é a finalidade da loja, o que ela faz hoje e não faz. Alguns exemplos que você pode tentar usar:
–    “nossa capacitação e aprendizado é da mais alta qualidade para nossos ir:. tenham a melhor formação e sejam lideres …..”;
– “melhorar o ser humano pelo estudo/capacitação, aumentar a preocupação com o bem estar dos outros e sociedade, e focar na formação virtuosa, ética e honrada do ser humano”;
– “melhorar o bem estar de nossa comunidade, família e ir:., oferecendo serviços que valorizem e promovam a condição humana”.

O que é Metas e Objetivos? A meta pode ser vista como o objetivo no tempo, os objetivos são uma lista de coisas que a loja deseja atingir, a meta seria essa lista no tempo. Os objetivos ajudam a alcançar as metas, nos dizendo com maiores especificações como caminhar evitando problemas para que a meta seja atingida.
Exemplos de objetivos:
– estabelecer um programa de desenvolvimento de recursos humanos interno
– estabelecer operações de beneficência que possam atingir a comunidade local XYZ
– transferir conhecimento procedimental para os ir:.
– criar parcerias fortes com as lojas XYZ, etc
Exemplos de metas:
– desenvolver uma loja voltada para a capacitação
– desenvolver uma excepcional parceria com outras potências
– construir parcerias com outras entidades da sociedade organizada

O que é Declaração de Valores? tente escrever quais são os princípios que a loja valoriza, o que achamos importante, tem a ver com nossa cultura, com o que achamos digno e virtuoso.
Exemplos:
– “acreditamos primeiramente que nossa responsabilidade é com nossos ir:. e familiares, acreditamos que necessitamos de capacitação e estamos sempre em busca do melhor no que se refere a estudos, nossas lojas co-irmãs e parceiras são tão importante como nossa própria loja, somos responsáveis pela nossa imagem perante a comunidade e executamos nossos trabalhos sociais com a maior atenção e presteza, damos a oportunidade a todos nossos ir:. para que possam crescer dentro de nossa loja, …..”
– “agimos com honestidade, integridade e transparência; incentivamos as parcerias com outras lojas, respeitamos a opiniões de nossos irmãos e damos oportunidade de trabalho para todos os ir:, nos preocupamos com o crescimento e bem estar fora da loja, ….”.

O que é Visão? é parecido com os objetivos e meta, porém é mais amplo e não é uma lista e sim apenas um pequeno parágrafo sobre como a loja se vê no futuro.
Exemplos:
– “ser a melhor loja em ritualistica”.
– “garantir crescimento para os ir:. através de estudos e outros meios…”.
– “garantir que nossos ir:. tenham sucesso e bem estar em familia, trabalho e em loja….”

Continuamos no próximo capítulo…

TFA

Planejamento estratégico para lojas maçônicas, parte 2

Posted in Introdução, Sem classificação específica, Textos genéricos! with tags on 04/01/2010 by J.D.

O planejamento estratégico permite a loja traçar uma missão, visão e objetivos de trabalho que podem ser atualizados durante o tempo ou podem ser seguidos pelos próximos V:.M:. que serão eleitos nas gestões futuras. A empresa (loja) necessita de uma planejamento futuro, talvez assim possa ter certeza de que vai sobreviver por longos anos.

O planejamento também permite olha para o passado da loja, o que ela tem feito desde de que foi criada, suas receitas, seus integrantes, tudo é recordado. O passado da loja, ajuda a traçar o que os ir:. querem no futuro.

Ao visitarmos outras loja também podemos ter uma idéia do que esta acontecendo com outras lojas: elas tem planejamento? elas tem cronograma? arrecadam dinheiro? fazem ações sociais? seus procedimentos internos estão corretos? todas essas observações nós podemos chamar de olhando a concorrência ou observando seu ecosistema. Conhecer seus visinhos pode trazer muitas dicas de como devemos melhorar nossa loja.

Para selecionarmos os planejadores acho que devemos primeiro convidar todos! Obviamente alguns não terão interesse nem disponibilidade de tempo nem recursos financeiros para participar de reuniões o planejamento. O que fazer a seguir? Os que ficaram no grupo poderão ser os responsáveis pelo início do documento, obviamente os integrantes da loja que possuem cargos no Or:. devem se fazer presentes. Para os que não puderem participar, email! Na próxima sessão pelo menos uma página tamanho A4 com o resumo da reunião do planejamento anterior entregue para os que não tem email, desta forma todos ficam sabendo do planejamento participando ativamente ou lendo material posteriormente.

TFA…